Quem acompanhou pelo Facebook os comentários sobre o show do cantor Kaysha, realizado na última quinta-feira, dia 31 de janeiro, no Carioca Club (SP), percebeu o quanto a noite foi bacana e especial. E claro que o grande culpado é o próprio Kaysha, um exemplo de humildade, carisma e talento.

Durante cerca de uma hora de show, ele mostrou total domínio sobre o público, cantando boa parte de seus hits e até um trechinho de “Ai Se Eu Te Pego”, do sertanejo Michel Teló. Mas não faltaram outras surpresas: ele esbanjou bom humor nas brincadeiras com a plateia e até dançou com africanas e brasileiras. Poucos cantores internacionais de zouk a passarem por aqui revelaram tanta integração com os fãs. E se eu fosse comparar a performance de cinco anos atrás com a atual, certamente, diria: ele continua um artista completo.

Como eu mesmo fui buscá-lo (na companhia do amigo Ricardinho Garcia) e depois deixei o astro e a namorada (a bela moçambicana Veruska) no hotel, tive mais tempo para conversar com ele. E acreditem: fora dos holofotes, ele é a mesma pessoa brincalhona e divertida que tanto conquista as fãs pelo mundo.

Na entrevista acima, realizada no camarim do Carioca Club minutos antes do show, vocês poderão conhecê-lo mais de perto. Durante o papo (traduzido pela amiga Veronika Silva, que eu aproveito para agradecer), ele falou do carinho das fãs, dos artistas que produz no Exterior (gente do naipe de Elizio e Vanda May), da paixão pelo Brasil e ainda nos presenteou com um trechinho da clássica “One Love”. Demais! Nos próximos dias, vamos postar os vídeos do show, também em parceria com o site Zouk Passion.